Atualização do Windows 8.1 vaza antes do lançamento; veja o que muda

05/02/2014 08:59

A primeira atualização da Microsoft para o Windows 8.1, que deverá ser lançada somente em março, vazou nessa segunda-feira (03) em vários sites de compartilhamento de arquivos e torrents. O update traz uma série de mudanças que, se confirmadas no lançamento, indicam que a Microsoft está fazendo de tudo para melhorar a experiência de uso do teclado e do mouse no sistema.

Microsoft renomeia SkyDrive; agora será OneDrive

Se você ficou curioso para saber o que vem por aí, o TechTudo fez um resumo das novidades. Veja abaixo o que mudou no Windows 8.1.

Windows 8.1 (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Windows 8.1 vaza na Internet (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

 

 

 

 

1. Desligar e pesquisar

No Windows 8.1, se você estiver na interface de blocos dinâmicos não será possível desligar o computador diretamente: é preciso sair da conta e quando aparecer a tela de boas vindas do sistema, clicar na opção de desligar. A boa notícia é que isso mudou e agora existe uma opção de desligamento na interface nova, o que com certeza irá simplificar bastante a vida dos usuários de PCs Windows.

A nova opção aparece ao lado da identificação do usuário logado, depois do novo ícone da busca, que também é uma novidade dessa atualização. Normalmente é preciso levar o mouse para o lado direito da tela, na Charm Bar, para aparecer a opção de pesquisa, o que a vezes pode ser um pouco irritante, pois ela nem sempre aparece. Com a mudança, ficará muito mais fácil (e rápido) fazer uma busca.

Tela Iniciar agora possui uma opção de desligamento e pesquisa  (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Tela Iniciar agora possui uma opção de desligamento e pesquisa (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

 

 

 

 

2. Menu de contexto

No Windows 8.1, ao clicar com o botão direito em live tiles (blocos dinâmicos) para fazer modificações, é mostrada um barra na parte inferior da tela com as opções disponíveis. Nessa atualização, a barra foi substituída pelo conhecido menu de contexto do Windows  com opções para redimensionar, desprender, e muito mais. A mudança, possivelmente, agradará boa parte dos usuários acostumados com o padrão tradicional da interface do Windows 7 ou anteriores.

Menu de contexto substitui a barra de opções da versão anterior (Foto: ReproduçãoEdivaldo Brito)Menu de contexto substitui a barra de opções da versão anterior (Foto: ReproduçãoEdivaldo Brito)

 

 

 

 

 

3. Nova barra de título para aplicativos

Aplicativos para nova interface, agora, possuem uma nova barra de título. Ela fica oculta, mas aparece quando o mouse se aproxima do topo. Com a barra, é possível fechar e minimizar aplicativos para aparecerem lado a lado com o mouse. Quando está visível, ela ocupa um pequeno espaço na parte superior da tela. Aparentemente, foi incluída como mais uma opção útil para que os usuários acostumados com o mouse, possam navegar rapidamente entre os aplicativos.

Apps Metro agora possuem uma barra de titulo (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Apps Metro agora possuem uma barra de titulo (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

 

 

4. Configurações do Computador

A nova tela Inicial do Windows também traz um atalho para as “Configurações do Computador”, em um bloco chamado “PC settings”. Mas a verdadeira novidade está no fato de existir um link para o  painel de controle dentro do aplicativo Configurações do PC. Entretanto, por não ser uma aplicação em bloco dinâmico, ao abrir o painel, ele é exibido na área de trabalho tradicional.

"Configurações do computador" agora pode abrir o Painel de Controle (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)"Configurações do computador" agora pode abrir o Painel de Controle (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

 

 

 

5. Aplicações no Desktop

Uma opção presente no menu de contexto dos blocos dinâmicos da tela inicial, permite colocar qualquer aplicativo na barra de tarefas. Obviamente, ao executar essa aplicação, ela irá aparecer em tela cheia como é o padrão. Essa funcionalidade já existia no Windows 8. Contudo, só ficava disponível em aplicativos que suportassem os dois modos de execução, como por exemplo, o Internet Explorer.

Já é possível colocar qualquer app Metro na barra de tarefas (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Já é possível colocar qualquer app Metro na barra de tarefas (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

 

 

 

 

6. Nada de Menu Iniciar

Pelo menos por enquanto, a Microsoft ainda não devolveu o Menu Iniciar à interface desktop do Windows. O botão Iniciar continua lá, mas só serve para ir para a interface de blocos dinâmicos do sistema. O único menu disponível é o que pode ser acessado pela combinação das teclas Windows e  X. Embora ele tenha boas opções, está bem longe do que os usuários estavam acostumados.

Ainda não será dessa vez que o verdadeiro Menu Iniciar retornará (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)Ainda não será dessa vez que o verdadeiro Menu Iniciar retornará (Foto: Reprodução/Edivaldo Brito)

 

 

Além do que já foi citado acima, não existem outras mudanças significativas nessa primeira atualização do Windows 8.1. A versão que vazou foi compilada em torno de três semanas atrás, no dia 14 de janeiro.

A Microsoft deverá lançar a versão final do Windows 8.1 Update 1, em 11 de março, um pouco antes de sua conferência para desenvolvedores, a Microsoft Build Developer Conference, que acontecerá em abril. Até lá, muita coisa pode mudar e quem sabe algumas expectativas dos usuários do sistema talvez venham a se tornar realidade.

 

fonte:techtudo


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!