Claro é proibida de vender linhas em cidade no Rio

13/03/2014 08:07


A Claro foi proibida de vender novas linhas telefônicas na cidade de São José do Vale do Rio Preto, no Rio de Janeiro, devido aos “maus serviços prestados à população”.

A decisão foi divulgada hoje pelo Ministério Público do Estado, segundo o qual a operadora terá de custear um laudo técnico independente que explique por que há tantas quedas, falhas, oscilações e interrupções de sinal da região.

Caso seja necessário, diz o MPRJ, a Claro ainda terá de efetuar obras, investimentos, reparos e adequações para corrigir os problemas. Se não cumprir as determinações dentro de 90 dias, a empresa terá de encarar multa diária de R$ 5 mil, limitada ao máximo de R$ 100 mil.

 

Fonte:olhardigital


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!