Como encarar os rumores de demissões no Twitter: uma jogada inteligente ou um mau sinal?

13/10/2015 15:14
As notícias dizem que o CEO Dorsey está se preparando para cortar custos

O Twitter estaria planejando demissões em toda a empresa esta semana, segundo noticiou o site de tecnologia Re/code na última sexta-feira, citando fontes da empresa. Não se sabe ao certo o tamanho do corte, nem quais departamentos seriam mais afetados. O microblog tem hoje cerca de 4.100 funcionários em mais de 35 escritórios ao redor do mundo.

Com Jack Dorsey de volta ao leme como CEO, as demissões, se ocorrerem de fato, pegam a companhia em um momento de reestruturação, para torná-la mais eficiente.

Se os rumores forem verdadeiros, Dorsey não perderá tempo em promover mudanças importantes no que parece ser uma tentativa de finalmente tornar a rede social rentável. As notícias dizem que Dorsey está se preparando para cortar custos.

O jornal The New York Times, citando fontes não identificadas, informa que o anúncio das dispensas pode acontecer ainda nesta terça-feira, 13/10.

Ao Computerwolrd, nos Estados Unidos, um porta-voz da empresa limitou-se a dizer, por e-mail, que eles não comentam " sobre rumores e especulações".

De todo modo, analistas estão divididos sobre se as demissões seriam uma jogada inteligente ou um sinal de problemas para usuários e investidores.

Quando a notícia de que Dorsey voltaria a comandar a empresa em definitivo foi confirmada, analistas da indústria e observadores começaram imediatamente a falar sobre os desafios que ele enfrentará. O maior deles é o fato de que o crescimento do usuário do Twitter está praticamente estagnado. E os atuais usuários não estão tão engajados como costumavam. Dois grandes problemas para uma companhia que ainda precisa encontrar uma maneira de ter lucro.

Na opinião de Dan Olds, analista do The Gabriel Consulting Group, é ruim Dorsey fazer demissões imediatamente após o seu retorno oficial como CEO.

"Esses não são os movimentos de um líder que quer incutir confiança em investidores e parceiros, ou que esteja preocupado em levantar o moral dos funcionários. É uma correção de curso muito drástica em pouco tempo", acrescentou.

 

Fonte:IDGNOW

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!