É possível usar o Twitter para prever manifestações?

24/02/2014 07:51


Um pesquisador do MIT afirma ter descoberto como prever o acontecimento de manifestações a partir de postagens feitas no Twitter. Nathan Kallus não é o primeiro a dizer que dá para antecipar alguma coisa ao se observar dados de redes sociais, a novidade é o foco dele.

Kallus escolheu estudar os eventos que culminaram nos protestos egípcios de 2013. Segundo ele, a agitação civil teria sido claramente previsível se alguém tivesse se atentado ao que as pessoas escreviam no Twitter.

"A reunião de multidões em uma única ação muitas vezes pode ser vista através de tendências que aparecem nestes dados com muita antecedência", explicou ele à revista digital do MIT.

Há uma empresa em Cambridge chamada Recorded Future que analisa 300 mil fontes de conteúdo na web pelo mundo, em sete idiomas, e extrai menções sobre eventos futuros. Foi lá que o pesquisador foi buscar informações para seu levantamento.

No caso do Egito, o conteúdo das mensagens trocadas pela rede de microblogs antes dos acontecimentos podia prever até mesmo que os protestos durariam semanas.

Claro que não se trata de uma ciência exata. Em primeiro lugar, corre-se sempre o risco do falso positivo, já que muita gente costuma ser mais irritada nas redes sociais do que na vida offline, diz que fará alguma coisa mas na hora decide ficar em casa. Também há a questão da demografia, é preciso entender se o Twitter tem tanta relevância no local a ponto de ser considerado um termômetro confiável.

 

Fonte:olhardigital


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!