Em meio a crise, presidente da Nintendo corta metade do salário

30/01/2014 09:58


Os resultados nada animadores da Nintendo, que anotou o terceiro prejuízo trimestral financeiro consecutivo, fizeram o presidente da empresa, Satoru Iwata, tomar uma atitude drástica: cortar o próprio salário pela metade.

Além disso, ficou determinado que outros executivos da companhia também sofrerão reduções nos ordenados, algo entre 20% e 30%, de acordo com o Nikkei.

Caso a Nintendo melhore financeiramente, os salários serão reajustados, mas eles devem permanecer como estão por ao menos cinco meses.

Esta é a segunda vez que Iwata põe a mão no bolso pela Nintendo. A outra ocorreu em 2011, quando o console 3DS foi lançado.

 

fonte:olhardigital


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!