Google quer levar o Android para tecnologias vestíveis

11/03/2014 08:04


O Google quer que o Android passe a fazer parte do corpo dos usuários. Com esse objetivo, em duas semanas, a empresa irá liberar um kit de desenvolvimento que permitirá às empresas aplicar o Android a tecnologias vestíveis.

Sundar Pichai, chefão da divisão de Android no Google, fez o anúncio no último domingo, durante a SXSW, que acontece na cidade de Austin, nos Estados Unidos. A intenção é alavancar de vez este mercado e tornar o Android uma opção viável.

"Isso irá mostrar para os desenvolvedores a nossa visão de como achamos que este mercado deve funcionar", afirmou ele durante a conferência. O objetivo é expandir o Android para além dos tablets e smartphones para um mundo "multitelas".

Quando Pichai fala em "vestível", ele não quer dizer apenas relógios e pulseiras inteligentes. Estas são as peças mais comuns do mercado atualmente, com o investimento de algumas grandes empresas. O Google, no entanto, quer ir além.

"Quando dizemos 'vestível', pensamos em algo mais abrangente. Fica a responsabilidade para nossos parceiros e desenvolvedores imaginarem. Pode ser uma jaqueta... com sensores. Eu não sei", palpita ele, apontando para as possibilidades da tecnologia.

No entanto, existem rumores de que o Google tem planos de lançar seu próprio smartwatch. A empresa poderia selar uma parceria com a coreana LG para mostrar o relógio em junho, durante o Google I/O, o encontro anual com desenvolvedores. Além disso, a empresa já desenvolve o famoso Google Glass.

Via Recode


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!