Microsoft conclui incorporação da Nokia

28/04/2014 08:56

Com o novo negócio, Microsoft foca o mercado de "entrantes" em dispositivos móveis, estimado em  US$ 50 bi ao ano.

 

A Microsoft anuncia nesta sexta-feira, 25, a finalização do processo de aquisição do negócio de dispositivos e serviços Nokia. A aquisição foi aprovada por acionistas da Nokia e por agências regulatórias de governos ao redor do mundo. A conclusão da aquisição marca o primeiro passo para tornar as duas organizações uma única equipe.

Nokia mudará nome para Microsoft Mobile, segundo documento

“Hoje damos boas-vindas ao negócio de dispositivos e serviços Nokia à nossa família. As competências em mobilidade e os ativos trazidos por eles vão contribuir para avançar nossa transformação”, afirma Satya Nadella, CEO mundial da Microsoft. “Em conjunto com nossos parceiros, continuamos focados em entregar inovação mais rapidamente em nosso mundo Mobile First, Cloud First”.

O ex-presidente e CEO da Nokia, Stephen Elop, se reportará a Nadella e será vice-presidente executivo do Microsoft Devices Group, supervisionando um amplo negócio de dispositivos que inclui os smartphones e tablets Lumia, os aparelhos móveis Nokia, o console Xbox, o tablet Surface, além dos produtos e acessórios Perceptive Pixel.

A Microsoft dá boas-vindas a funcionários com vasta experiência na indústria em mais de 130 localidades em 50 países no mundo, incluindo diversas fábricas, que criam, desenvolvem, produzem e comercializam um amplo portfólio de dispositivos inteligentes inovadores, além de aparelhos móveis e serviços.  Como parte do acordo, a Microsoft vai honrar todas as atuais garantias de clientes Nokia para dispositivos existentes.

O Windows Phone é o ecossistema com crescimento mais rápido no mercado de smartphones e seu portfólio de dispositivos premiados continua a crescer. No quarto trimestre de 2013, dados da IDC mostraram que o Windows Phone reforçou sua posição entre os três maiores sistemas operacionais para smartphones. A plataforma foi a que teve crescimento mais rápido entre os sistemas operacionais líderes, com ganho de 91% na comparação ano a ano.

Além disso, com o negócio de aparelhos móveis da Nokia, a Microsoft vai focar no mercado acessível de dispositivos móveis, oportunidade estimada em US$ 50 bilhões ao ano, entregando a primeira experiência móvel para o próximo bilhão de pessoas enquanto apresenta os serviços Microsoft a novos clientes em todo o mundo.

Nos três últimos meses de 2013, o Windows Phone se tornou o segundo sistema operacional de smartphones mais vendido no Brasil. O crescimento do Windows Phone no período analisado foi de 1,6 ponto percentual com relação ao trimestre anterior, atingindo 6% de participação de mercado. Com esse resultado, a plataforma passa a registrar quatro trimestres consecutivos de crescimento no país, que já é considerado o quarto maior mercado de smartphones em todo o mundo.

A Microsoft vai continuar a entregar valor e oportunidades e trabalhará próxima a uma gama de parceiros de hardware, desenvolvedores, operadores, distribuidores e varejistas, oferecendo plataformas, recursos, aplicações e serviços que os permitam fazer dispositivos diferenciados.  Com um conhecimento profundo de hardware e software integrados, a companhia vai se fortalecer e ampliar a demanda por diferentes dispositivos baseados no Windows.

 

Fonte:ipnews


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!