TIM não será vendida, diz Telecom Italia

03/12/2013 09:18

A Telecom Italia, dona de 67% da TIM, rejeitou as ofertas de potenciais compradores e reforçou nesta segunda-feira não ter planos de vender a operadora brasileira. A empresa também descartou eventuais acordos com outras teles.

Os rumores sobre uma possível negociação vieram à tona por causa do descontentamento do governo brasileiro sobre o recente aumento de participação da Telefônica na Telecom Italia. No Brasil, a companhia espanhola detém a Vivo, e as autoridades temem práticas anticompetitivas.

O grupo italiano defende que seu investimento majoritário na TIM se trata de um ativo estratégico. "A companhia reafirma a importância estratégica para o grupo de sua participação na TIM Brasil e no mercado brasileiro, nega que há qualquer contato em andamento com potenciais compradores", afirmou a Telecom Italia em comunicado.

Sobre o caso

A Telefónica aumentou a participação na Telecom Italia em setembro para fortalecer sua influência nas decisões da companhias.  O grupo espanhol de telecomunicações passará de 46% para 66% de participação na Telco, a holding que controla a Telecom Italia. O aumento de capital de 324 milhões de euros será direcionado a pagar dívidas da empresa.

Em uma segunda fase, a Telefónica planeja elevar sua participação na Telco para 70%, equivalente a quase 16% da Telecom Italia, por meio de um segundo aumento de capital. Mais adiante, a empresa poderá comprar o restante da participação de todos os sócios da Telco.

fonte olhardigital


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!